Ideias de design de interiores para um quarto de criança de uma escola

Banheiros

Como é que se mobilia o quarto de uma criança? Em muitos pais, uma pergunta como esta causará uma estupefacção. Sim, não se trata de uma questão simples. Deve ter em conta um grande número de nuances. É importante onde fazer reparações, um apartamento ou um edifício privado. Os principais pontos de design, paletas de cores, decorações e muito mais serão discutidos a seguir.

Ideias e esquemas de cores para o quarto das crianças

O aspecto do quarto das crianças depende se é para um menino ou para uma menina. Há diferentes opções de género disponíveis. Além disso, a idade da criança é importante, porque é errado tornar a sala igual para os pré-escolares e os adolescentes.

Se não houver vontade de refazer o desenho no futuro, pode usar um desenho universal do quarto das crianças. No entanto, mesmo neste caso, o interior terá de se aproximar do atencioso e minucioso. Se a criança tiver idade suficiente, a cor principal e o desenho podem ser discutidos com ele.

Algumas recomendações sobre a gama:

  • O amarelo e o laranja são alegres e optimistas. São mais adequados a uma pessoa criativa.
  • O azul claro alarga visualmente a sala.
  • Rosa, azul, verde – dar brilho e atractividade.
  • Se combinar cinzento com rosa ou verde, pode conseguir um efeito calmante. Numa tal sala é mais fácil de relaxar.

Quando em dúvida, um designer profissional pode sempre dar-lhe os conselhos certos.

Um quarto para uma criança activa

Uma sala para crianças activas tem as suas próprias exigências particulares. Em primeiro lugar e acima de tudo, deve haver espaço para jogos e actividades activas. Se o espaço da sala o permitir, deve ser instalado um pequeno recanto desportivo.

No que diz respeito ao desenho de cores, é melhor utilizar uma combinação de cores calmas e brilhantes. Neste caso, branco ou cinzento, combinado com rosa ou azul (dependendo do sexo) funcionará bem.

Viveiro de crescimento

O interior do quarto de uma criança para crescer também deve ser pensado. Não pintar a sala com cores demasiado brilhantes ou gritantes. Um recém-nascido é melhor colocado numa sala decorada com cores quentes (amarelo, branco, laranja).

Também deve ser criada uma área de jogo extra apenas para quando o bebé for mais velho. Pode ser estilizado separadamente, acrescentando uma cómoda ou uma caixa de brinquedos e assim por diante.

Para raparigas

As raparigas adoram as cores rosa, mas não se quer exagerar. O quarto de uma rapariga também pode subir se abordar o assunto da forma correcta. Ao decorar, é melhor ser contemporâneo com rosa pálido e bege.

Não se quer exagerar com decorações puramente femininas. Pequenas belezas serão mais bem-vindas se o seu quarto se assemelhar em parte ao quarto dos seus pais. Isto significa que deve haver arcas de gavetas, um espelho e assim por diante.

Para um rapaz

O interior do quarto da criança para um rapaz é escolhido em função dos passatempos e preferências do futuro homem. Se a criança estiver activa, como mencionado acima, necessitará de um lugar adicional onde possa respingar um pouco de energia.

Além disso, a funcionalidade é importante. Não decorar o interior, pintando-o com super-heróis, e fazendo a cama sob a forma de um carro de corrida. Este tipo de loucura tende a passar rapidamente.

Ao escolher um esquema de cor, é melhor dar preferência ao cinzento (mesmo aço) e ao azul escuro, diluído com um esquema escuro de inserções claras (branco ou bege).

Um quarto para dois rapazes

Quando se trata de dois rapazes que vivem na mesma sala, a situação é muito complicada, porque mesmo os gémeos têm gostos diferentes. Ganhar espaço extra pode ser conseguido instalando um beliche, mas com a condição de que os rapazes não lutem por espaço. Ao montar a sua própria casa, a situação é muito mais simples. Num apartamento, contudo, o espaço tem de ser utilizado da forma mais vantajosa possível.

O desenho do quarto das crianças neste caso baseia-se nas cores o mais calmo e neutro possível. Um tema náutico pode ser utilizado acrescentando incrustações com navios e parafernália semelhante (mas não demasiado). Outra opção é um tema policial.

Certifique-se de separar o espaço para a área de jogo e de trabalho. Se o tamanho permitir, é melhor colocar camas separadas, separando-as com divisórias translúcidas. Isto irá criar uma espécie de espaço pessoal.

Espaço para duas raparigas

O quarto do bebé das raparigas na fotografia está sempre bonito. Contudo, na realidade, não é suficientemente fácil criá-lo, porque as raparigas mostram cada vez mais a sua individualidade e carácter à medida que vão envelhecendo. A vida em conjunto torna-se mais difícil para eles.

Por conseguinte, é tão importante atribuir espaço para cada um. Pode até tentar dividir a sala por cores, dependendo das preferências individuais (sem utilizar opções incompatíveis).

O berçário de um menino e de uma menina

Ao escolher cores para crianças de sexo oposto, vale a pena rejeitar os estereótipos padrão. O rosa e o azul não são de todo adequados. É melhor usar tons claros e neutros: branco, bege, verde pálido, amarelo.

Espaço para um aluno de escola adolescente

Quando se fala de um quarto para um adolescente, o prefixo “berçário” já não é utilizado. Já precisa de uma boa cama grande com um colchão de qualidade. As cores básicas são cinzento, preto e branco. A sala pode parecer um pouco sombria, mas a maioria dos adolescentes gosta dela.

Design de quartos escandinavos para crianças

O estilo escandinavo é bom para crianças de todas as idades – é neutro. Predominantemente a paleta de cores utiliza branco em diferentes tons (leitoso, marfim, creme). Esta é diluída com cores pretas, cinzentas ou mais versáteis.

Ideias interessantes para um interior da Provença

A Provença é um estilo que apresenta uma paleta de cores pastel. O interior do viveiro está cheio de branco, baunilha, leite ou marmelo. As inserções adicionais incluem creme, lavanda e amarelo pálido.

O estilo provençal apresenta elementos brilhantes, mas pequenos. Poderia ser girassóis sobre fundo verde. Uma tonalidade de menta funcionaria bem.

Desenho do quarto das crianças em estilo loft

O formato de pombal na foto pode parecer estranho, mas os adolescentes gostam desta opção. Um dos elementos do estilo do tema é um chão de betão frio ou uma parede de tijolo nua. É claro que, dependendo da idade da criança, isto terá de ser diluído.

As cores podem ser muito diferentes. Mesmo um rosa vivo ou vermelho profundo serviria.

Guarnições e materiais

Todos os materiais devem ser de boa qualidade e amigos do ambiente, dependendo das decisões de concepção. O laminado, parquet ou linóleo pode ser utilizado para pavimentos. A alcatifa deve ser evitada por ser difícil de limpar.

O papel de parede é utilizado para paredes na maioria dos casos. O papel de parede líquido é um formato moderno. Com a sua ajuda, as fantasias mais ousadas podem ser realizadas. Bem, se o bebé ainda for pequeno, e os pais tiverem medo de enfrentar o problema chamado “parede pintada”, pode abordar a questão de forma criativa. Está disponível papel de parede especial concebido para a arte infantil.

Os acrílicos também podem ser utilizados para cobrir paredes. São não-fusíveis, amigos do ambiente e fáceis de aplicar.

Como fazer uma zona adequada do quarto de uma criança

O zoneamento da sala depende muito do formato da sala, do número de crianças que nela vivem e da sua idade. Pontos principais a considerar ao fazer o zoneamento da sala:

  • O espaço de trabalho deve estar perto de uma janela para que a criança tenha luz suficiente.
  • A área de trabalho e o resto da sala podem ser separados por uma pequena divisória. O mesmo se aplica a uma área onde várias crianças vivem juntas.

Espaço para descansar e brincar

Se o seu filho é novo no primeiro ano, esta é uma opção. Um aluno do primeiro ano ou do primeiro ano necessitará definitivamente de espaço para aprender e brincar.

Falando de um adolescente, é claro, uma área com brinquedos já não é necessária. Contudo, deve ser disponibilizado um campo para passatempos e passatempos.

Como escolher o mobiliário para o quarto de uma criança

O próprio mobiliário infantil de hoje, fotografias e ilustrações de interiores modernos são simplesmente deslumbrantes na sua diversidade. Mas a escolha do mobiliário também precisa de ser correcta. É melhor evitar o formato Ikea e as opções de economia, e preferir fabricantes de alta qualidade.

O mobiliário do quarto deve ser adequado à idade. Como já foi mencionado, é melhor recusar camas de máquinas de escrever ou fechaduras, por muito fixe que pareça.

O espaço para um recém-nascido terá de ser mobilado com: um berço, uma mesa especial, uma arca de gavetas com brinquedos. A área para um aluno ou menina da escola deve conter um guarda-roupa (de preferência embutido), cama, secretária e poltrona de computador.

Antes de começar a decorar, é aconselhável fazer um modelo ou esboço da futura sala.

Iluminação adequada no quarto de uma criança pequena

A verdadeira luz na sala vem de uma janela, mas não se pode passar sem luz artificial também. Deve ser entendido que a criança estará na sala com frequência suficiente, por isso não deve estar escuro.

Algumas dicas de iluminação:

  • Instale um formato spot – combine candelabros e luzes de parede. Uma opção invulgar e elegante é instalar iluminação em paredes ou mobiliário.
  • Certifique-se de que o canto de aprendizagem está o mais iluminado possível, mas sem colocar tensão extra sobre os olhos.
  • Instalar uma sala com luzes coloridas não é a solução mais inteligente. É apenas uma opção suplementar de design de interiores.
  • O estilo original da discoteca com luzes cintilantes também não deve ser utilizado.

Decoração do quarto das crianças

A decoração é algo em que se pode sentar durante horas. As preferências da criança devem ser a bitola, mas sem exagerar. Exemplo: uma rapariga de 6-7 anos de idade gosta das fotografias de fadas, mas após mais 2-3 anos, ela afastar-se-á completamente deste assunto, e por isso a sala terá de refazer. O mobiliário também deve ser correcto e significativo.

O formato mais básico pode ser utilizado, concentrando-se na funcionalidade, complementado apenas por elementos que caracterizariam um pequeno membro da família. Tal formato pode manter-se durante muitos anos e só pode melhorar ligeiramente.

Para alguns, no entanto, este formato será rotulado como vazio.

Um equívoco comum entre os pais é que literalmente têm de mobilar o quarto todos os anos e fazer reparações à medida dos novos gostos dos seus filhos. Isto está errado.

Assim, não usar quando decorar algo demasiado brilhante ou temático, é melhor dar preferência a opções neutras que não necessitarão de substituição regular.

As disposições para o quarto de uma criança não é um processo fácil. Deve ser dada muita consideração à natureza do seu próprio filho, aos seus hobbies, mas ao mesmo tempo não se esqueça da funcionalidade. Em todo o caso, vale a pena fazer um plano completo antes de começar.

Design Vagrant