Design de cozinha azul – opções com tonalidades claras e escuras

Soluções

A cozinha azul é elegante, moderna e original. É uma opção que não aparece muito frequentemente, porque é frequentemente vista com desconfiança. Esta cor fria e profunda pode facilmente ultrapassar as outras tonalidades. Tem muitas variações de execução.

Cozinha azul no interior

A manipulação hábil da cor eliminará a possibilidade de criar uma atmosfera sombria e de transformar a sala num “caso”.

Características da cor

A cor tem um efeito refrescante, calmante e ajuda a trazer o estado interno para a harmonia. Traz calma e, ao mesmo tempo, concentração para o interior.

Pontos fortes e fracos

A utilização desta cor e dos seus tons derivados nos interiores tem vantagens e desvantagens.

  • efeito calmante;
  • dá um rigor e uma nobreza;
  • cria o efeito de alongamento da sala;
  • é apropriado para muitos estilos.
  • não adequado para cozinhas pequenas e escuras;
  • diminui o apetite;
  • acrescenta peso à atmosfera.

Se decidir decorar a sua cozinha com esta cor, precisa de pensar em cada detalhe.

A quantidade de azul na cozinha: encontrar o equilíbrio certo

A fim de não “sobrecarregar” o espaço, recomenda-se a utilização do azul como acento. Em alguns casos, é apropriado como a sombra principal. Os desenhadores aconselham combinar o azul com cores quentes.

Que tonalidades escolhe?

A variedade de cores disponíveis permite uma vasta gama de desenhos de cozinha. Primeiro é importante decidir se quer optar por uma sombra mais escura ou mais clara.

Azul claro

Uma tonalidade adequada para espaços mais pequenos. Melhorará e refrescará visualmente o espaço, tornando-o mais leve, mais arejado e mais leve.

Azul escuro

Um tom azul escuro e profundo que faz a sala parecer mais pequena, mais fresca e mais dura. Para dar o brilho, é recomendado diluí-lo com cores acromáticas, tais como o branco. Para criar uma atmosfera quente, adicionar algumas cores quentes (perto do amarelo).

Combinação com outras cores

O azul pode ser combinado com outras cores de diferentes maneiras.

Cinzento

O melhor par para um design subtil e elegante: prata e malva macia, azul brilhante e cinzento liso, etc. Recomenda-se a adição de pelo menos alguns tons quentes.

Amarelo

Apesar das cores opostas em termos de esquemas de cores, a combinação é muito bem sucedida. Uma cozinha construída sobre tais contrastes pode ser feita com um tema marítimo. Muito depende da escolha das tonalidades.

Quando são utilizadas cores saturadas, é uma história, mas quando são utilizadas cores discretas, é uma história completamente diferente.

Bege

O bege é conhecido como o mais despretensioso em termos de compatibilidade. Acrescenta definitivamente aconchego e calor. Ao combinar azul e bege, o bege é mais frequentemente tomado como base.

Castanho

Provavelmente a combinação de cores mais “aconchegante”. O castanho é semelhante à madeira. Anima a frieza do azul, tornando-o mais quente e amigável.

Verde

Suaviza, tem um efeito positivo na psique. Não tenha medo de usar as duas cores saturadas juntas. Independentemente do tamanho da cozinha, pode brincar com as sombras e experimentar.

Preto

A combinação de azul e preto é muito ousada. Há uma boa hipótese de ‘afogamento’ na escuridão.

A adição de tons beges e outros tons claros pode ajudar a tornar a sala de jantar mais acolhedora e mais acolhedora.

Opções de desenho para cozinhas azuis e brancas

A opção mais clássica é a cozinha azul e branca. Aqui predominam os tons mais frescos. Isto é ideal para estilos modernos com linhas limpas e rectas. Uma grande peça sobre contrastes pode ser vista aqui. É certo que haverá um acabamento brilhante. Para as cozinhas clássicas, por outro lado, o acabamento mate é o melhor.

Cozinha branca com acentos azuis

Esta opção é bem adequada para uma pequena cozinha. Aumentará muito o volume do espaço.

Tampo de trabalho

Uma bancada de trabalho de cor clara em madeira ou outro material é um dos elementos chave de uma cozinha branca e azul.

Avental em

O avental de cozinha de cor azul pode ser fosco ou brilhante, dependendo da direcção geral do estilo.

Sofá

Se a cozinha for dominada pelo branco como cor principal, escolha um sofá em tons de azul profundo. É ao mesmo tempo prático e original.

Cozinha branca com iluminação azul

A retroiluminação azul sobre uma área de cozinha pode também ajudar a iluminar uma cozinha brilhante e torná-la única.

Cozinha branca com paredes azuis

As paredes azuis de uma cozinha branca têm um aspecto particularmente esplêndido.

Combinar azul com madeira

A madeira é uma tonalidade próxima do castanho. Um detalhe interior feito de madeira serve em quase qualquer lugar. Para um equilíbrio, é ideal se ambas as cores estiverem presentes em quantidades aproximadamente iguais. Pode ser complementado por bege, amarelo, preto ou cinzento.

Tampo de trabalho em madeira

Uma bancada de madeira maciça seria o ponto alto de uma cozinha azul.

O interior de um espaço de cozinha numa casa de madeira

Numa casa de madeira, o interior deve combinar com o material principal. Como exemplo, o estilo escandinavo é a melhor combinação de madeira e azul. A fotografia abaixo mostra o interior de uma cozinha numa casa de madeira.

Unidade de cozinha azul

Ao escolher uma unidade de cozinha, não é apenas a cor que é importante. Material, textura, forma e tamanho também são importantes.

Mate ou lustroso

Uma cozinha azul mate seria uma grande escolha. As cores silenciosas acrescentam sofisticação e sabor. Uma tal cozinha não requer qualquer manutenção especial, uma vez que rugosidade, arranhões, etc. não são tão perceptíveis.

Um acabamento brilhante é mais popular. Se estiver numa sombra escura, terá de o tratar com muita suavidade, pois qualquer dano, mesmo de menor gravidade, será visível. Os auscultadores de cor clara são mais práticos a este respeito.

Forma e colocação

Existem várias formas básicas de conjuntos de cozinha.

Canto

O arranjo de mobiliário mais comummente utilizado. É conveniente de usar, uma vez que há muito espaço de armazenamento.

Em linha recta

Outra opção ‘clássica’. Também caberia numa pequena cozinha. É colocado apenas ao longo de uma das paredes.

Em forma de U .

Será necessário muito espaço livre para acomodar este tipo de auscultadores. A sala de jantar é frequentemente deslocada para a sala adjacente.

Que tipo de papel de parede serviria a uma cozinha em azul?

Algumas das opções mais bem sucedidas:

  • Um pequeno padrão floral para uma cozinha de estilo provincial;
  • O papel de parede em estilo country e loft na forma de “tijolo vermelho” é ideal;
  • papel de parede liso para pintura.

A regra básica para escolher o papel de parede: quanto menor a sala, mais leves as paredes.

Desenho de pavimentos e tectos

O soalho azul não é comum na cozinha. As cores mais escuras são preferidas devido à sua praticidade. Recomenda-se a utilização de azulejos cerâmicos ou porcelânicos. Os pavimentos devem ser sempre um par de tons mais escuros do que as paredes.

Artigos de decoração, têxteis, electrodomésticos e decoração

As luminárias integradas no tecto são boas para iluminação principal. Eles precisam de distribuir a luz uniformemente. As pequenas cozinhas não precisam de lustres complexos, lâmpadas. Os holofotes simples são uma boa ideia. As luzes LED poderiam ser colocadas sobre a área de trabalho. Um pingente incorporado é uma opção. Acima da mesa de jantar encontra-se um candelabro adequado.

Se o desenho for envelhecido num azul frio, é complementado por elementos decorativos feitos de latão, bronze, cobre ou douradura. Também pode adicionar puxadores de porta, cornijas, torneiras de água ou mesmo electrodomésticos. Por exemplo, um frigorifico. As paredes são decoradas com painéis, pinturas e mosaicos no tom das tonalidades básicas das cores.

Uma cozinha/ sala de jantar em azul.

Um aspecto de loft que combine texturas modernas com texturas tradicionais seria perfeito. O papel de parede pode ser utilizado para imitar os tijolos frequentemente utilizados. O acento deve estar nas paredes. O soalho pode ser de madeira ou madeira. O mobiliário é lustroso. Para dividir o espaço em sala de estar e cozinha, vale a pena um bar retroiluminado.

Uma pequena cozinha em azul

Quando a cozinha é compacta, é importante ser particularmente cuidadoso na arrumação da sala, seleccionando cuidadosamente o que estará em tons de azul, predominantemente claro.

Combinações com branco ou cinzento claro ou bege fazem a sala parecer um pouco maior, enchendo-a com “ar”.

Combinação do azul com diferentes estilos

A cor é adequada para um estilo interior absolutamente diferente.

Clássico

No estilo clássico, azul poderia ser a toalha de mesa, cadeiras, mesas e sofá. Os móveis devem ser feitos de madeira. O material e a cor são da maior importância aqui. A presença de tonalidades derivadas é obrigatória.

Tema marinho

Estilo náutico – azul com branco, com a inclusão de superfícies de madeira. Em regra, o mobiliário é em azul, e o revestimento é branco. Completo com têxteis de tema náutico e lembranças.

Provença

Aqui é particularmente importante prestar atenção aos tecidos das janelas, mobiliário e portas. De preferência, apenas tecidos naturais. Algodão e linho, por exemplo. Ideal são tons claros como violeta, azul, turquesa e assim por diante.

Scandi

Neste estilo, há muita madeira, o que traz calor e aconchego, para que se possa usar com segurança o azul claro. O branco deve estar presente. Nas paredes e no tecto, por exemplo. O mobiliário e o mobiliário são escolhidos em tons de azul. Os acessórios em tom tornarão o interior completo.

O estilo moderno

No minimalismo e na alta tecnologia não há abundância de detalhes. O foco está na forma e na cor. O seguinte interior ficaria bastante acolhedor: vigas de madeira no tecto, tapetes, tapetes, tapetes de madeira maciça, móveis simples com acabamento brilhante.

Uma cozinha em azul parece única. Usando as dicas deste artigo, pode decorar o seu espaço de cozinha de uma forma interessante e moderna.

Design Vagrant