Desenho da cozinha na cor do café

Cozinhas

Nem sempre é fácil decidir sobre um projecto quando se planeia uma renovação. Especialmente quando se trata do interior da cozinha. Quer que esta sala seja o mais acolhedora possível, por isso, ao escolher a cor principal pode preferir um tom de café quente.

Vantagens e desvantagens de decorar a cozinha em tons de café

O café e o leite são uma tonalidade complexa. É criado misturando tons castanhos, brancos e beges, por isso tem um aspecto muito nobre e caro.

Os benefícios de uma cozinha de café:

  • Esta cor traz uma sensação acolhedora, calmante e pacífica ao interior.
  • Muitas cores podem ser combinadas com tons de café e leite, e é possível acrescentar um acento marcante a um interior nestes tons.
  • A decoração e os têxteis são fáceis de escolher.
  • O quarto parece maior, mesmo que seja pequeno.
  • O castanho torna as manchas e a sujidade menos visíveis.

Não há desvantagens significativas no interior da sala da cozinha em tons de café. Ao escolher uma tonalidade no interior, a primeira coisa a fazer é ser guiado pelos seus próprios sentimentos e gostos.

Cores da unidade de cozinha

O tom de café e leite é bom porque tem uma grande paleta de cores. Pode escolher entre tons claros e escuros. Ou pode combinar os dois em conjunto.

Cozinha de café – que tonalidades são populares?

  • A cor do café amargo é uma tonalidade rica e escura da paleta castanha. É melhor usado em combinação com tons mais claros para que a cozinha não pareça muito pequena, especialmente se já for pequena. Por exemplo, poderia ter o chão e o mobiliário numa cor de café amargo mas as paredes e outros acessórios poderiam ser de uma cor mais clara, tais como baunilha.
  • A cor mocha adapta-se a salas pequenas, fazendo-as parecer maiores. A cozinha mocha é perfeita para interiores boho, ecológicos e minimalistas.
  • O café com leite ou taupe é uma cor típica dos interiores escandinavos. A cor parece que muita nata tinha sido derramada no café.
  • O cacau e o leite é semelhante ao café amargo, mas menos intenso. Se o tamanho da sala for grande, as duas tonalidades podem ser combinadas. A cor do cacau e do leite adapta-se a todos os estilos.
  • O café de canela é um tom castanho-esverdeado e fresco. Parece muito nobre. Adequado para o estilo clássico.

Esta não é uma lista completa de tonalidades na paleta. Mas mesmo que se utilize apenas os tons básicos, pode-se obter um interior muito bonito e invulgar.

Que tonalidades se podem acrescentar à paleta do café

A cozinha do café é compatível com muitos tons diferentes. Pode-se até usar sombras contrastantes, mas neste caso é importante não exagerar. Que tonalidades pode acrescentar:

  • preto;
  • bege;;
  • branco;
  • castanho;
  • rosa em pó;
  • leite derretido;
  • menta;
  • esmeralda;
  • canela;
  • azul profundo.

É possível ir além desta lista e complementar o desenho com outras combinações.

Características de desenho num esquema monocromático de café

Ao desenhar um desenho monocromático, é muito importante escolher a tonalidade certa. Por exemplo, um cappuccino ou um tom bege terá um aspecto harmonioso. Se a cor moca for utilizada para as paredes, o tecto e o chão, ela também se misturará facilmente, parecendo aborrecida.

Num esquema monocromático, é melhor utilizar uma cor de base e 2 ou 3 tons da mesma paleta, mas com intensidades diferentes.

Materiais e acabamentos para paredes, pavimentos e tectos

A cozinha no estilo do café terá um aspecto harmonioso com os materiais naturais – é madeira, pedra, mármore. O que utilizar para o acabamento das paredes:

  • papel de parede lavável;
  • azulejos;
  • gesso;
  • Painéis decorativos.

Tinta, gesso cartonado e azulejos podem ser utilizados para o tecto. Também são possíveis tectos suspensos ou ripados. Os pavimentos podem ser acabados com laminados, parquet ou ladrilhos.

Papel da iluminação e decoração

As superfícies de trabalho na cozinha devem ser melhor iluminadas. O resto da sala pode ser escurecido. Se a cozinha estiver em cores claras, então deverá haver menos acessórios de iluminação. As paredes brilhantes reflectem 80% da luz. Se a cozinha for escura, deve haver o maior número possível de acessórios de luz.

A decoração é uma parte importante da cozinha. Pode colocar fotografias nas paredes e belos frascos de especiarias ou cereais nas prateleiras. Ou pode colocar um cesto de pão para o aconchego. Fruta em vasos ou biscoitos em frascos de vidro com tampas poderia ser outra opção. Um avental pode ser colocado ao lado do local de trabalho. As flores também podem ser usadas.

Se o fogão estiver longe da janela, podem ser colocadas cortinas e cortinas. Se o fogão não estiver muito longe, o problema dos salpicos de óleo da cozedura pode ser difícil de remover. Nesse caso, é melhor pendurar um tule curto e uma cortina num dos lados da janela que esteja mais longe do fogão.

Móveis e aparelhos

O mobiliário da cozinha é composto por um armário, frigorífico e pia. As unidades de cozinha cor de café-leite irão bem com as paredes e tecto cor de café escuro. Ou vice-versa, pode escolher uma peça de vestuário escura, e as próprias paredes pintadas com tinta clara.

Tipos de unidades de cozinha:

  • O linear é mais adequado para espaços mais pequenos. A bancada, lavatório, fogão e bancada de trabalho estão dispostos numa só linha. Este arranjo poupa espaço.
  • As unidades insulares e semi-insulares são adequadas para quartos espaçosos. Neste caso, uma mesa ou um espaço de trabalho são colocados no meio da sala, com o resto do conjunto ao longo das paredes.
  • Os conjuntos de canto são adequados para salas de tamanho médio.

Os armários superiores podem ser escuros e os inferiores claros. Ou vice-versa. Outra sugestão seria optar por uma configuração minimalista ao estilo cinza/café com paredes castanhas escuras e um chão e tecto na mesma cor de baunilha.

Como estilizar a sua cozinha em tons de café e leite

Antes de começar a desenhar a sala, é preciso decidir em que estilo será feito. As principais direcções:

  • O estilo clássico envolve o planeamento racional do espaço. Este estilo é caracterizado pela utilização de mobiliário de madeira. O papel de parede e os têxteis estão frequentemente em tonalidades monocromáticas. Como regra, não há sotaques brilhantes.
  • O minimalismo tem sido popular há muito tempo. Os traços característicos são linhas claras e ausência de vários elementos decorativos. São utilizados principalmente dois ou três tons. Deve haver muita luz e espaço na sala. O mobiliário é frequentemente brilhante, mas também pode ser utilizado um acabamento mate. Este estilo fica bonito nas fotografias.
  • O moderno caracteriza-se por limites claros e pela ausência de elementos decorativos desnecessários. O interior deve ser prático e confortável.
  • A Provença veio do sul de França. A principal diferença com este estilo é a sensação caseira e rústica. As sombras são frequentemente leves, e a sala está cheia de ornamentos e flores.
  • O estilo ecológico implica a utilização apenas de materiais naturais e amigos do ambiente. São utilizadas cores predominantemente naturais. Não deve haver cores vivas. O estilo é adequado mesmo para um apartamento Khrushchev.
  • O estilo escandinavo é uma combinação de minimalismo e estilo ecológico. O estilo envolve uma grande quantidade de luz na sala, os objectos são naturais, muitas vezes nem sequer tratados. As cores utilizadas são emudecidas. Este desenho tem um aspecto elegante na imagem.

Quando se cria um interior não é necessário escolher apenas um estilo e aderir estritamente a ele. Vários estilos podem ser combinados ao mesmo tempo, e então a cozinha irá certamente revelar-se muito interessante.

A cozinha está sempre associada ao calor, ao aconchego e à familiaridade, por isso é importante escolher as cores certas ao criar o seu design. O café e o leite combinam na perfeição com este tipo de design de interiores.

Design Vagrant